ALFABETIZAÇÃO E INCLUSÃO DE PESSOAS IDOSAS: UMA PROPOSTA INTERDISCIPLINAR MEDIADA PELAS TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E DA COMUNICAÇÃO

Márcia Regina Pacheco Soares, Rosalee Santos Crespo Istoe

Resumo


A nova estrutura da população brasileira, as transformações sociais e as inovações tecnológicas, apontam para a necessidade de especificidade nos processos educacionais de pessoas idosas. A partir dos pressupostos que conferem relevância à educação para a inclusão social e para a longevidade com qualidade de vida, este trabalho tem como objetivo discutir a relevância da mediação da informática no processo de alfabetização de pessoas idosas. Os procedimentos metodológicos utilizados na presente pesquisa partiram de uma abordagem qualitativa e como procedimentos técnicos foram utilizados referenciais bibliográficos e análises documentais. Aponta como principais resultados que a população idosa apresenta a maior taxa de analfabetismo segundo os grupos de idade e que o analfabetismo nesta faixa etária ocasiona não apenas limitações e exclusão social, mas também a exclusão do mundo digital e tecnológico despontando para a importância de se formular propostas educativas de ações estruturadas que atendam as especificidades do aluno idoso. Constatou-se que no processo de alfabetização a mediação da informática se configura como uma ferramenta de estímulo, de motivação e favorecedora do desenvolvimento cognitivo e de inclusão da pessoa idosa na sociedade atual.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Indexing:

       
   
   
   
ISSN: 2358-8411 
 

 This work is licensed under a Creative Commons License Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.