PRÁTICA EXTENSIONISTA UNIVERSITÁRIA E AS TECNOLOGIAS DIGITAIS NA ATUAÇÃO DOCENTE: POSSIBILIDADES A PARTIR DE UM PROJETO DE FORMAÇÃO CONTINUADA

Rackel Peralva Menezes Vasconcellos, Cristiana Barcelos da Silva, Carlos Henrique Medeiros de Souza, Beatriz Rezende, Poliana Campos Cortes Luna

Resumo


O presente artigo visa apresentar e analisar as consequências na comunidade escolar de uma Prática Extensionita Universitária cujo público alvo são professores da rede pública de ensino. Tal formação continuada tem como objetivo desenvolver as habilidades dos educadores quanto ao uso das Tecnologias Digitais (TD’s) em sala de aula. A utilização das TD’s têm se mostrado como um dos grandes desafios em todos os campos de atuação nas quais o processo de ensino aprendizagem seja o eixo norteador do seguimento. Portanto, a importância desse programa surge associada à necessidade de se propor mudanças de paradigmas, no que diz respeito à alteração de hábitos profissionais, novas formas de organização do trabalho, modificando, por conseguinte, a visão social dos processos de ensino-aprendizagem ditos tradicionais. À medida que os educandos, nativos digitais, estão a alguns passos a frente do educador, dito imigrante digital, no que tange ao conhecimento metodológico, cabe a este profissional ser o responsável pela integração produtiva das TD’s em sala de aula, oportunizando aos alunos novas formas de aprender. Em consonância a esse pensamento, uma vez que o docente deve ser a conexão entre o aluno e essa atual metodologia de ensino, a carência quanto à formação continuada do professor deve ser repensada. Durante a formação foi possível perceber que os docentes participantes do processo entenderam a necessidade de adaptação do currículo e planejamento a essa nova realidade, onde o ensino tradicional não mais alcança o alunado em questão e que o modelo pedagógico deve ser sempre atualizado e repensado em detrimento da evolução tecnológica.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Indexing:

       
   
   
   
ISSN: 2358-8411 
 

 This work is licensed under a Creative Commons License Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.